quinta-feira, agosto 26, 2010

Não se pode ter tudo na vida?

Oie' pessoal tava fusando a net e achei essa piada do Joãozinho. espero q riam pra valer!!!! rsrs'


A professora dava aula a seus alunos sobre as diferenças entre os ricos e os pobres. Júlia levanta o dedo: - Fessora, meu pai tem tudo: televisão de plasma, DVD, carro... - Tudo bem, diz a professora, mas será que tem uma lancha? Júlia pensa um pouco e diz: - Bem fessora...ele não tem lancha. - Está vendo, é como eu disse, não podemos ter tudo. E seu pai Artur? - Ah fessora, meu pai tem tudo: ele tem TV de plasma, DVD, carro e lancha... - Sim - responde a professora - mas será que tem um avião particular? Artur pensa um pouco e responde: - Bom.....avião particular ele não tem! - Está vendo que não se pode ter tudo na vida? - disse a professora. Aí o Joãozinho levanta o dedo e diz: - Fessora! Mas o meu pai tem tudo! - Tudo? Por que vc acha que ele tem tudo? - Porque sábado passado, quando minha irmã apresentou o namorado COLORADO, meu pai disse: "PU-TA QUE PA-RIU!!!!! ERA SÓ O QUE ME FALTAVA!!!!!!"

quarta-feira, agosto 25, 2010

Pensamento do dia...

“Se você contar seus segredos ao vento,
não culpe o vento por revelá-los às árvores”.

sexta-feira, agosto 20, 2010

Amo noite e dia (8)

oie' galera... tõ com essa música na cabeça a semana inteira....
e resolví compartilhar com vcs, espero q curtam!!!

quinta-feira, agosto 12, 2010

A malandragem não perdoa

Adivinha quem vai repitir de ano..... o.O

Top 5 - Notícias Bizarras

Essa é uma seleção de notícias bizarras, na maioria, difíceis de acreditar... Bom, espero q gostem.

1- Canadense põe bebê no freezer para baixar a febre
A namorada do canadense Derrick Hardy deixou o rapaz tomando conta de sua filha de 10 meses e, quando ela voltou pra casa encontrou o bebê curtindo um clima d pólo norte , no freezer.
Tamanha crueldade foi uma tentativa frustante a baixar a febre alta da menina. Levado à delegacia, Derrick admitiu à polícia o óbvio: não leva o menor jeito para cuidar de crianças.


2- Fugitivo vaidoso manda foto atualizada para jornal inglês
O britânico Matthew Maynard, procurado pela polícia britânica por roubo, ficou irritado ao ver uma foto sua desatualizada ser publicada por um jornal local. Ele então, enviou ao jornal uma foto em que aparece em frente a uma van da polícia. As autoridades agradeceram a “mãozinha” do rapaz, de 23 anos. “Ele acha que está sendo inteligente, mostrando como está. Agora, todo mundo vai saber quem ele é. Nós vamos pegá-lo em breve”, afirmou um policial.

3- Britânico é preso por dirigir carro da Barbie embriagado
Leis muito rígidas e fiscalização intensa tornaram a Inglaterra um dos países com o menor número de acidentes de trânsito do mundo. E as autoridades do país não estão dispostas a permitir que as ruas inglesas fiquem menos seguras – nem mesmo durante uma brincadeira. O britânico Paul Hutton, de 40 anos, foi preso e teve a habilitação suspensa durante três anos por dirigir embriagado um carrinho de boneca. Ele estava a impressionantes seis quilômetros por hora quando foi parado por policiais a bordo do carro elétrico da Barbie

4- Pomba é presa na Índia acusada de espionar para o Paquistão
Na fronteira entre dois países que já travaram três guerras entre si em pouco mais de 60 anos e vivem em constante tensão, ninguém escapa de vigilância – ninguém mesmo, nem os animais.
Em maio de 2010, uma pomba foi presa pelas autoridades indianas em Punjab, na fronteira com o Paquistão, acusada de espionagem. A ave suspeita tinha um anel em torno de um dos pés e um número de telefone e endereço paquistanês pintados em vermelho. Ela foi levada para a delegacia e ficou proibida de receber visitas.

5- Mulher pega ônibus errado e é reencontrada 25 anos depois
Em 1982, a muçulmana Jaeyaena Beuraheng, que morava na Malásia, resolveu fazer uma viagem a Narathiwat. Mas, ela acabou comprando a passagem errada e acabou tomando um ônibus que a deixou 1.200 quilômetros ao norte de Bangcoc. Ela tentou solucionar o problema comprando uma passagem d volta, mas acabou se complicando ainda mais e ficou 700 km mais longe. Sozinha, sem dinheiro e sem falar o idioma local, ela foi viver como mendiga. Cinco anos depois, foi capturada pela polícia e levada a um centro de desabrigados, onde ficou por 20 anos – sem nunca emitir uma palavra. O sofrimento dela só terminou em 2007, quando um grupo de jovens muçulmanos foi fazer uma visita ao abrigo e Jaeyaena encontrou alguém que entendia seu idioma.